Leia mais no Oficina da Net: Redirecionamento em JavaScript campanha e entrega escrituras em Samambaia ~ Blog Samambaia DF

3 de abr de 2011

campanha e entrega escrituras em Samambaia

Governador Agnelo lança campanha e entrega escrituras em Samambaia
Publicação: 03/04/2011 07:23 Atualização:

 ( Elio Rizzo/CB/D.A Press )
Bastou uma assinatura para 1.164 pessoas realizarem o sonho de regularizar a casa própria em Samambaia. As escrituras definitivas das residências foram entregues, na manhã de ontem, pelo governador Agnelo Queiroz, durante o lançamento da campanha “Regularizar para morar legal”, na Vila Olímpica Rei Pelé. Mas o ato ainda está longe de atender a toda demanda da região. Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Sedhab), restam aproximadamente 15 mil casas sem documetação regular em Samambaia. “Isso é praticamente metade da cidade. Vamos resolver todo o problema de Samambaia e só então passarmos para a entrega de documentos em outro lugar. Não vamos deixar nada para trás”, garantiu o secretário de Habitação, Geraldo Magela. De acordo com o GDF, o mutirão de regularização não atingirá apenas as residências, mas também as cidades que ainda dependem de legalização. “Vamos tomar atitudes em cidades inteiras, como é o caso do Riacho Fundo II, São Sebastião e Itapoã”, destacou Magela. Apesar de ainda não ter sido definida a próxima cidade que será alvo da campanha, o governador Agnelo Queiroz adiantou que áreas como Vicente Pires serão priorizadas. “A regularização era um problema antigo em todo o DF. Vou enfrentar com muita dedicação e apresentar soluções efetivas. Essa campanha é um presente para a cidade e um importante passo para dar mais agilidade ao processo de regularização, de forma legal e transparente”, afirmou. O governador também assinou um convênio de parceria com a Associação dos Notários e Registradores do DF (Anoreg), a fim de garantir a redução nos valores pagos pelos moradores na documentação de escritura. A taxa é de R$195,24. “Mas ainda faltam informações. Eu, por exemplo, só fui procurar a minha escritura porque um vizinho me explicou como funcionava”, destacou a depiladora Valdei de Oliveira, 34 anos, que recebeu ontem o documento do imóvel no qual vive há nove anos. O gráfico Rosivaldo Gonçalves dos Santos, 39 anos, levou a esposa e os dois filhos para comemorar a entrega dos papéis. Eles moram há 10 anos na Quadra 601 de Samambaia. Apesar da tranquilidade de ter a escritura em mãos, o beneficiado afirma que nunca deixou de fazer investimentos na residência por medo de que não houvesse legalização. “Lógico que agora eu tenho uma garantia, até mesmo para os meus filhos. É a prova de que a casa é minha”, festeja. Ao todo, cerca de 16 mil pessoas já pediram escritura de imóveis na Sedhab, mas ainda não procuraram os cartórios para finalizar o processo. “Vamos começar a procurar essas pessoas, conscientizá-las, juntamente com aqueles que sequer nos procuraram até hoje”, disse Magela.

0 comentários:

Twitter Facebook YouTube Orkut